to top

Festas como antigamente

O aniversário da Malu está chegando e me peguei desesperada.

Eu realmente esqueci, sinto que esse ano voou e não vi os meses se passando pois parece que foi há poucos meses a festa dela da Peppa Patisserie (Veja Aqui).

Quando percebi que já estávamos entrando no final de Setembro, fiquei desesperada. Comecei a correr para ver decoradora, casa de festas e para a minha tristeza (ou não) as casas que eu queria já estavam lotadas e só as absurdamente caras estavam livres. Ai pensa comigo, gastar 30 mil só na casa de festas, tirando as lembranças e mais uns 17 mil da decoradora, tirando roupas e outros gastos que sempre aparecem. No chute seria uns 50 mil e não era essa a minha intenção esse ano, gastar tanto em 4 horas de festa para ser uma correia e a gente mal conseguir dar a atenção necessária para os nossos convidados.

Conversando com o meu marido, lembramos de como eram as nossas festas de aniversário antigamente. Nunca tivemos aniversários em casa de festas e nem com mais de 100 convidados, como eu sempre fiz para os meus filhos. Se vocês pararem para pensar, a criança fica feliz com tão pouco, basta ter um bolo, brigadeiros e amiguinhos para a diversão ser garantida.

Parei e pensei, ter uma festa totalmente feita por outras pessoas, bem grande e decorada no estilo casamento, esbanjar luxo e gastos é o que realmente quero passar para os meus filhos? E se um dia eu não tiver condições de bancar um gasto alto em festas, como será a reação dos meus filhos? Eles vão aceitar? Ou vão ficar tristes já que são acostumados com luxo?

Eu lembro com tanto carinho das festas que a minha mãe fazia em casa. Do café da manhã na cama, sempre com um bolinho e velas, dos balões espalhados pela casa e na piscina, do bolo preparado por ela ou pela funcionaria da nossa casa, dos brigadeiros e cajuzinhos que eu fazia a questão de ajudar a enrolar (ou comer rs). Eu era tão feliz com tão pouco e meus filhos nem sabem  o que é isso. Não sabem o verdadeiro sabor do aniversário, onde ajudamos em tudo e esperamos ansiosos pela chegada da família e dos amigos mais próximos, escutando Xuxa e Sandy & Junior. Rs

Pensei tanto e fui perguntar pra Malu, que de uns meses pra cá não para de perguntar quando é o seu aniversário e de fazer planos com temas e de quem vai para a festa. Perguntei onde ela queria a festa dela e acreditem, ela não pediu em casa de festas, pode ser que ela não entenda bem já que ainda vai fazer três anos. Mas a reação dela foi pular e falar que queria a festa dela aqui em casa, fiquei surpresa e perguntei se poderíamos fazer no play do condomínio, mas ela repetiu :” Quero aqui em casa, para mostrar as minhas amigas o meu quarto”. Ufa, foi exatamente o que queria escutar rs. Vou ensinar a ela que festa em casa pode ser SIM bem divertida e linda, igual antigamente.

Mostrei as várias fotos que eu tenho dos meus aniversários e contei como eram. Ela está vibrando que os amigos vão conhecer a casa dela, e está fazendo vários planos. É a primara vez que ela está participando de tudo e junto comigo está escolhendo absolutamente tudo. Tenho certeza que a festa vai ser linda e vai ficar na memória dela,  do jeito que lembro com carinho e saudade de todas as festas que tive.

Algumas festinhas em casa para inspirar vocês também: 

images

images-1

images-2

images-4

Eu amo festas grandes e super bem decoradas, não vou mentir para vocês. Mas tem como sim fazer uma festa linda e muito mais familiar e divertida em casa também.

E convenhamos, antigamente não precisávamos de animadores de festa gritando nos nossos ouvidos, as crianças naturalmente se animavam. Também não precisávamos de lembraças bem elaboradas, porque aqueles anéis de plástico, os apitos, os chocolates de guarda-chuvinha dentro dos saquinhos já eram mega divertidos, né?!  Fora o balão gigante que era estourado ao final da festa e esparramava doces e farinha para tudo que era lado!

O que muita gente precisa entender, é que criança precisa de muito menos para se divertir. Hoje em dia, o que mais tem é gente que não tem condições e mesmo assim faz festa enorme para provar ou mostrar algo para a sociedade, só porque está na moda ou com receio do que as pessoas vão falar se a festa não for grande, bem decorada e que de preferencia NÃO seja em casa.

Quebre o Tabu e faça do jeito que você quiser, nas condições que você tem, sem ficar pesando nas pessoas. Pense apenas na diversão do seu filho e o que é realmente essencial pra ele.

Pensando nisso, separei algumas dicas para quem for fazer festa em casa também.

Bolo

O bolo é o item principal que realmente não pode faltar na festa. Mas se você não quiser, não precisa ser aquele bolo mega elaborado, gigantesco e com vários bonecos para anfeitar. Os bolos caseiros estão super em alta e dão um charme especial na mesa. Caso prefira fazer você mesmo, que tal chamar a criança para participar?

festa_handmade-just_real-moms-3

festa_handmade-just_real-moms-4

festa_handmade-just_real-moms-7

festa_handmade-just_real-moms-8

Balões

Outro item que não pode faltar na festa. Balões coloridos sempre divertem o ambiente e tem um significado enorme nas festas infantis. No final, sempre é divertido estourar os balões pela casa.

festa_handmade-just_real-moms-10

festa_handmade-just_real-moms-9

image-11-750x640 image-8

image-9

Comidas

Antigamente eram servidos sanduíches feitos em casa,  pipoca no saquinho, milho e gelatina no potinho e os deliciosos docinhos tradicionais. Mas se preferir comprar salgadinhos e sanduiches a metro, super combinam também.

festa_handmade-just_real-moms-14

festa_handmade-just_real-moms-20

festa_handmade-just_real-moms-17

festa_handmade-just_real-moms-13-1

pao-de-metro

 

Quero saber da experiência e ideias de vocês também. Estou buscando tudo para os 3 anos da Malu.

Facebook Comments

Lely Schmidt

  • Isaura

    Lely, estou com vc. Vejo tanta gente esbanjando e quis fazer festa grande apenas no 1º aninho. Acho festa em casa tão mais com cara de festa e aconchegante, prefiro gastar o dinheiro em presentes e viagens pra minha filha

    26 de setembro de 2016 at 17:19 Responder
  • Claudia

    Vc sempre tão querida e mãezona. Te acho uma mãe super admirável e tenho certeza que faz de tudo pela Malu e Biel e pode ter certeza que a Malu vai amar a festa feita pela mamãe

    26 de setembro de 2016 at 17:20 Responder
  • Djennyfer

    Amiga, este ano Sophie terá um aniversário americano hehe, não sou fã de festa luxuosa não, gosto de festinhas em casa e fica lindo tbm… beijos

    26 de setembro de 2016 at 17:30 Responder
  • Bruna

    Nunca gostei de festas gigantes, sempre achei exagerado e ostentação desnecessário. Parabéns pela escolha, tenho certeza que a Malu vai amar . Depois posta tudinho pra gente ver e se inspirar também

    26 de setembro de 2016 at 19:35 Responder
  • Danielle

    Lely, qual vai ser o tempo? Parabéns pela escolha, tenho certeza que a Malu vai crescer em um lar cheio de amor. Vc tem muito bom gosto, tenho certeza que vai arrebentar no bom gosto e elegância

    26 de setembro de 2016 at 22:21 Responder
  • Livia

    Muito orgulho da mãe que se tornou. Parabéns pela escolha, mesmo Fabricio tendo bastante condições de fazer uma festa grande esse ano de novo, achei bem legal a escolha de querer mostrar o lado simples da vida, está certíssima pois não sabemos o dia de amanhã e temos que ensinar de tudo para os pequenos. Grande beijo para vc e sua família linda

    27 de setembro de 2016 at 01:28 Responder

Leave a Comment